Ainda nem sequer deixei o Porto e sinto já uma certa nostalgia.
Esta cidade entranha-se nas pessoas, essa é que é essa.

Será que voltará a ser a minha casa?

Anúncios